RECEITA FEDERAL DO BRASIL - CONCURSO 2020

Escrito Por: Tatiani Carvalho Publicado em: Concursos Previstos Data de Criação: 07/02/2020 Acessos: 504 Comentários: 0

A Receita Federal do Brasil já solicitou ao Ministério da Economia pedido para preenchimento imediato de 3.314 vagas para os cargos de Assistente Técnico Administrativo, Analista Tributário - ATRFB - e Auditor Fiscal - AFRFB.

Para concorrer as vagas de Assistente Técnico Administrativo os candidatos devem ter nível médio completo e para os cargos de Analista e Auditor e requerido o nível superior.

O concurso da Receita Federal é um dos mais esperados pelos concurseiros que se preparam para as carreiras fiscais.

O último certame para a Receita Federal do Brasil, aconteceu em 2014 e a banca responsável pela organização do concurso foi a Escola de Administração Fazendária.

A remuneração base para alguns cargos, como o Auditor Fiscal, passa dos R$ 21 mil e a falta de servidores é um dos maiores problemas do órgão.

Para te deixar por dentro das oportunidades de ingresso em uma das vagas disponíveis da Receita Federal do Brasil e te orientar em como e o que estudar, preparamos essa matéria especial.

Aproveite.

RECEITA FEDERAL – CONCURSO 2020

 

carreira fiscal e receita federal concurso Um dos certames mais esperados das carreiras fiscais é o da Receita Federal do Brasil.

A PLOA 2020 autoriza o provimento de 6.509 vagas no executivo federal e a Receita Federal solicitou ao Ministério da Economia o preenchimento imediato de 3.314 vagas, para diversos cargos, entre eles os mais desejados que são para os cargos de Analista Tributário e Auditor Fiscal.

Para ter acesso ao texto integral da PLOA 2020 - CLIQUE AQUI

A Receita Federal é responsável por gerir algumas funções mais importantes do Estado, como subsidiar o Poder Executivo na elaboração da política tributária brasileira, administrar os tributos de competência da União e também prevenir e combater o contrabando e a sonegação fiscal.

 

Receita Federal – Situação Atual

 

O Coordenador Geral de Planejamento da Receita Federal do Brasil – Jaime David – informou que o órgão passa em 2020 por um processo de análise e estruturação administrativa, que vai resultar na mudança de 10 para 5 regiões fiscais.

Uma portaria publicada no dia 22/01/2020 informou que 100 vagas internas serão repostas por servidores inativos, ou seja, o órgão terá reversão de 50 vagas para Auditor Fiscal e 50 vagas para Analista Tributário.

 

Confira na imagem a portaria que autorizou a reversão.

receita federal do brasil concurso 2020

 

O Sindicato da categoria cobra a realização de um novo certame, como podemos observar no argumento de Kleber Cabral, presidente do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais

“O concurso é fundamental. Até porque a última seleção foi em 2014, e 1.500 Auditores estão lotados na área aduaneira, muitos em fronteiras sem a menor expectativa de ir para outra localidade”.

 

Remuneração e benefícios

 

Um dos grandes atrativos da RFB é a remuneração oferecida aos servidores.

Em 2019 a remuneração dos Auditores e Analistas que ocorria por meio de subsidio, passou a ser feita por meio de vencimento.

Com a mudança, os servidores puderam ter adicionado ao vencimento parcelas adicionais de remuneração, ação que por lei não é possível quando o servidor recebe por subsidio, pois essa modalidade permite remuneração paga em parcela única.

Dessa forma os servidores da RFB passaram a receber o bônus por eficiência. O bônus paga o valor de R$ 3 mil por mês para Auditores Fiscais e R$ 1.800,00 para Analistas Tributários.

Além da incorporação do bônus houve redução do número de níveis na tabela salarial e assim o servidor pode chegar mais rápido ao teto da tabela salarial.

 

Os vencimentos atualmente são:

Cargos

Vencimento Base – Inicial

Vencimento Base – Final

Auditor Fiscal

R$ 21.029,09

R$ 27.303,62

Analista Fiscal

R$ 11.684,39

R$ 18.076,05

 

 

 

 

 

Observe na tabela abaixo, como fica a situação da remuneração para Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil

concurso receita federal 2020 remuneração

 

 

Aos valores acima ainda deve-se somar os benefícios de: Auxilio Alimentação, Auxilio Saúde e Auxilio Pré-Escolar.

 

RECEITA FEDERAL DO BRASIL - Cargos e Vagas

 

No dia 13 de agosto de 2019, segundo a Folha Dirigida, foram solicitadas pelo órgão 3.314 vagas, sendo que, dessas vagas 700 são para Auditor Fiscal e 1.453 para Analista Tributário, o restante das vagas provavelmente será destinado para outros cargos, como o de Assistente Técnico Administrativo.

Segundo a coordenação de gestão de pessoas da RFB, o déficit de funcionários é alto e cresce significativamente, o que prejudica o controle fiscal no pais, principalmente nos portos, aeroportos e postos de fronteira.

 

RECEITA FEDERAL DO BRASIL – Carreira

 

Para ser Auditor Fiscal ou Analista Tributário da Receita Federal do Brasil o candidato deve ter graduação em qualquer área de atuação.

Para ocupar uma das vagas de Assistente Técnico Administrativo a formação exigida é o ensino médio completo.

A lotação dos servidores pode acontecer tanto em Brasília-DF, onde se localiza as Unidades Centrais da Secretaria da RFB, ou nas unidades descentralizadas, que são distribuídas por todo o país da seguinte forma:

 

  • 34 unidades de fronteira,
  • 27 pontos de fronteira alfandegados,
  • 39 portos organizados,
  • 33 terminais aeroportuários de passageiros,
  • 36 terminais aeroportuários de cargas,
  • 5 centros de distribuições de remessas postais internacionais,
  • 3 polos de processamento de remessas expressas e
  • Dezenas de unidades da Receita Federal (controle aduaneiro).

 

RECEITA FEDERAL DO BRASIL – Provas

 

Os últimos certames aconteceram em 2012 e 2014 e foram realizados pela Escola de Administração Fazendária – ESAF.

A prova foi composta de por duas etapas. Na primeira etapa os candidatos se submeteram a provas objetiva e dissertativa e na segunda etapa houve sindicância de vida pregressa.

 

Auditor Fiscal

 

Para ocupar um dos cargos de Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil os candidatos se submeteram a prova objetiva com as seguintes disciplinas:

 

Conhecimentos Gerais

 

Língua Portuguesa – 20 questõesraciocínio lógico para a receita federal do brasillíngua portuguesa para auditor da receita federal do brasil

Espanhol ou Inglês – 10 questões

Raciocínio Lógico e Quantitativo – 10 questões

Administração Geral e Pública – 10 questões

Direito Constitucional – 10 questões

Direito Administrativo – 10 questões

 

A prova de conhecimentos gerais valeu 70 pontos.

 

Conhecimentos Específicos

 

Direito Tributário – 15 questões

Contabilidade Geral e Avançada – 20 questões

Comércio Internacional e Legislação Aduaneira – 15 questões

Legislação Tributária – 10 questões

Auditoria – 10 questões

 

A prova de conhecimentos específicos valeu 140 pontos

 

Prova discursiva – Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil

A prova discursiva foi composta de 2 questões sobre conteúdo de Direito Tributário, Comércio Internacional e Legislação Aduaneira. O valor cobrado foi no máximo de 60 pontos.

As questões cobradas na prova foram:

 
Questão 1

Discorra, em um mínimo de 20(vinte) e em um máximo de 40(quarenta) linhas, sobre o Simples Nacional, abordando os seguintes tópicos:

 

  1. O que é, quem pode e quem não pode optar por este regime (quais os parâmetros legais); de que forma se dá essa opção; quem possui a competência para regulamentá-lo; o que se considera receita bruta para fins de aplicação do simples nacional.
  2. Quais os tributos que têm seu recolhimento unificado abrangido pelo Simples Nacional; se o Simples Nacional é facultativo para Estados e Municípios.
  3. Como deverá proceder o contribuinte optante pelo Simples Nacional que auferir receitas sujeitas a substituição tributária ou decorrentes de exportação; se há alguma distinção, no tocante às obrigações acessórias, entre optantes do Simples Nacional e os demais contribuintes.
 
Questão 2

Em tempos de globalização o comércio internacional adquire importância cada vez maior no cenário econômico mundial. A administração aduaneira deve se manter constantemente atualizada no intuito de não se tornar obstáculo desnecessário ao comércio lícito, tampouco em incentivo a práticas ilícitas. Partindo dessa premissa, nos termos da legislação aduaneira, é possível a atuação do Auditor-Fiscal da Receita Federal do Brasil além da linha de fronteira terrestre do Brasil? Justifique e fundamente sua resposta em um mínimo de 20 (vinte) e em um máximo de 40 (quarenta) linhas, a qual deverá abordar, obrigatoriamente, os seguintes tópicos:

 

  1. Definição de território aduaneiro; e
  2. Abrangência da jurisdição dos serviços aduaneiros

 

Analista Tributário

Para ocupar um dos cargos de Analista Tributário da Receita Federal do Brasil os candidatos se submeteram a prova objetiva com as seguintes disciplinas:

 

Conhecimentos Gerais

 

Língua Portuguesa – 20 questõesconcurso 2020 RFB analista e auditorcarreiras fiscais 2020

Espanhol ou Inglês – 10 questões

Raciocínio Lógico Quantitativo – 10 questões

Administração Geral e Pública – 10 questões

Direito Constitucional e Administrativo – 25 questões

 

Essa primeira etapa somou 120 pontos

 

Conhecimentos Específicos

 

Direito Tributário – 20 questões

Contabilidade Geral – 10 questões

Legislação Tributária e Aduaneira (área geral) – 30 questões

Ou

Informática (área informática) – 30 questões.

 

Essa segunda etapa também somou 120 pontos.

 

Prova discursiva – Analista Tributário da Receita Federal do Brasil

A prova dissertativa foi composta de um texto com no mínimo 40 linhas no máximo 60 linhas e a pontuação máxima era de 100 pontos.

 

Resumo do concurso Receita Federal

 

Concurso: Receita Federal do Brasil (Concurso Receita Federal)

Banca organizadora: A definir

Cargos: Auditor-Fiscal //Analista-Tributário

Escolaridade: Níveis médio e superior

Carreiras: Fiscal

Lotação : Nacional

Número de vagas: 3.314 vagas (solicitadas)

Remuneração de: R$ R$ 11.684,39 a R$ 21.029,09

Situação: Solicitado

 

RECEITA FEDERAL DO BRASIL – Dicas de preparaçãoRECEITA FEDERAL AUDITOR FISCALRECEITA FEDERAL CONCURSO ANALISTA

 

Sabemos da importância de se preparar com antecedência para concursos públicos e a Receita Federal do Brasil exige dos seus candidatos um amplo conhecimento de todas as disciplinas cobradas no edital.

Para isso desenvolvemos duas apostilas, contemplando todo o conteúdo do edital anterior para os cargos de Auditor Fiscal e Analista Tributário.

Para ter acesso as nossas apostilas, basta CLICAR AQUI.

 

E se você quiser se aprofundar na sua preparação, temos uma seleção de livros e apostilas, com conteúdo especifico para o concurso da Receita Federal.

Basta CLICAR AQUI, para ter acesso aos nossos livros.auditor da receita federal do brasil analista da receita federal do brasil

Todos os nossos livros e apostilas são completos e atualizados, com todo o conteúdo do edital e mais uma seleção de exercícios de provas anteriores para te ajudar na sua preparação.

 

Bem se você chegou até o final desse artigo, espero ter ajudado na sua preparação para o concurso da Receita Federal.

Deixe o seu comentário no nosso artigo.

 

Bons estudos e até a posse

 

Profª Tatiani Carvalho

Deixe um comentário