Concurso TJDFT: 423 cargos disponíveis - Parte I

Escrito Por: Tatiani Carvalho Publicado em: Concursos Previstos Data de Criação: 16/12/2019 Acessos: 440 Comentários: 0

portal da transparência indica que o concurso do TJDFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios) possui 423 cargos disponíveis.

Os cargos são para Técnico e Analista e precisam ser preenchidos o quanto antes, portanto, o certame deve ser liberado em breve.

Unidades Judiciais

Duas novas unidades judiciais foram criadas. Para o Tribunal as novas varas aumentam a produtividade na entrega de decisões, despachos e julgamentos.

Porém, com essas duas novas varas o número de vagas do próximo concurso pode ser muito maior.

As novas varas foram criadas em Águas Claras. A 3ª Vara Cível de Águas Claras e a 2ª Vara de Família e de Órfãos e Sucessões de Águas Claras.

Existe ainda a expectativa do TJDFT implantar o Cartório Judicial Único, ou seja, um cartório para executar os serviços judiciais das varas da Circunscrição de Águas Claras.

Concurso TJDFT – A remuneração vale a pena?

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), possui uma das maiores remunerações para os cargos de tribunais do país, portanto, é uma ótima opção para quem se prepara para as Carreiras de Tribunais.

O concurso do TJDFT, deve ser liberado em breve, são 423 cargos disponíveis.

O Analista Judiciário do TJDFT, tem remuneração de R$ 12.455,30, observe que, o salário base é de R$ 5.189,71 + R$ 7.265,59 que são incorporados por Gratificação de Atividade Judiciária.

O Técnico Judiciário do TJDFT, recebe um total de R$ 7.591,39 de remuneração, ou seja, R$ 3.163,07 de remuneração base, mais o acréscimo de Gratificação de Atividade Judiciária no valor de R$ 4.428,29.

Mas observe que, esses valores são para os novos servidores, ou seja, aquelas que ingressam como, classe A, Padrão I.

Quantitativo do último concurso

No último certame, o Tribunal nomeou um total de 736 aprovados, desse total, 503 para Técnico Judiciário e 233 para Analista Judiciário.

Podemos ainda contar com a criação de vários novos fóruns no Distrito Federal, além do que, os já existentes possuem as vacâncias informadas no inicio do artigo, concurso TJDFT – 411 cargos disponíveis.

Benefícios para os servidores do TJDFT

O regime de contratação é sob o Regime Jurídico Único do Servidores Civis da União, das Autarquias e das Fundações Públicas Federais, ou seja, regidos pela Lei 8.112/90.

Além disso, os servidores do Tribunal gozam de vários outros benefícios.

Entre os mais importantes, podemos citar:

  • Convênio médico hospitalar, com atendimento nas melhores clinicas e hospitais de Brasília e entorno.
  • Plano odontológico interno, que atende praticamente todas as especialidades.
  • A escola de Administração Judiciária, que oferece educação corporativa, para o desenvolvimento dos servidores.
  • Creches.
  • Biblioteca, com um dos melhores acervos do país.
  • Academia interna com acompanhamento de profissional de Educação Física.
  • Restaurante com ótimo atendimento, preço acessível.
  • Sindicado ativo que fortalece a ajuda o servidor.
  • E o Teletrabalho, que permite ao servidor realizar as suas tarefas de casa.

Como funciona o Teletrabalho

Foi implantado Teletrabalho, com o objetivo de permitir que o servidor exerça as suas funções de casa, ou seja, utilizando acesso remoto.

Esse modelo de trabalho é regulamento pelas resoluções 12/2015 e 12/2016, portanto, para ter acesso ao benefício o servidor deve estar em algumas das situações citadas abaixo:

  • Se o conjugue for deslocado, ou se deslocou temporariamente, para outra região em território nacional ou internacional, porém, o deslocamento deve ter sido justificado.
  • Caso o servidor tenha deficiência, ou se, os filhos, conjugues ou dependentes, tenha deficiência.
  • Gestantes e lactantes.
  • E todos aqueles que demonstrem habilidades para gerencias o tempo, planejamento e organização.

Acesse a Parte II do nosso artigo para saber mais sobre os cargos e vagas disponíveis, clicando no link abaixo.

CONCURSO TJDFT: 423 cargos disponíveis - Parte II

Deixe um comentário